Skip to content

Livro de Sérgio Ribeiro Pinto é «solida contribuição» para compreendermos a emergência do clero paroquial português, afirma o Cardeal Patriarca

Março 1, 2017

sergiolivrocapa

O livro Servidores de Deus e funcionários de César. O clero paroquial da Monarquia à República (1882-1917), de Sérgio Ribeiro Pinto, é «uma sólida contribuição para a compreendermos a emergência do clero paroquial português»,, afrma D. Manuel Clemente, Cardeal Patriarca, no prefácio a este livro, que acaba de ser publicado.  Esta obra começou por ser uma tese de doutoramento em História na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, sob a orientação científica dos professores António Reis (daquela Universidade) e Maurilio Guasco (Università del Piemonte Orientale “Amedeo Avogadro”).

Sérgio Ribeiro Pinto já publicara um inovador estudo sobre a Lei da Separação de 1911 como modernidade. Dá-nos agora o primeiro estudo rigoroso sobre o clero diocesano na articulação entre o Antigo Regime e a Modernidade. Senhor de uma sólida formação teórica, Ribeiro Pinto não hesitou em enfrentar o pó dos arquivos tardo oitocentistas e primo novecentistas. Pesquisou e sintetizou o associativismo dos párocos, examinando a Venerável Irmandade dos Clérigos Pobres de Lisboa (1886-1912), os congressos do clero secular, a Liga do Clero Paroquial Português (1907-1912). Estudou depois a transformação do estatuto do pároco na passagem da monarquia liberal para a República. Analisa a identidade e o sustento do clero paroquial. Com base nos dados do Arquivo Contemporâneo do Ministério das Finanças, Ribeiro Pinto  produz o mais completo estudo sobre as chamadas «pensões» que a Lei da Separação conferiu  ao clero paroquial. É analisado «o pároco entre o Ministro e o Bispo» assim como a subsequente romanização do catolicismo com S. Pio X. A problemática da desconfessionalização do Estado, dita por vezes da secularização, é dilucidada numa perspetiva de história institucional, cultural e social. A obra  está sistematizada com clareza e foi escrita num estilo simples e acessível ao leitor interessado.

Servidores de Deus e Funcionários de César desbrava o clero paroquial na passagem do Antigo Regime para a Modernidade, um tema indispensável para compreendermos tanto o Estado como a Igreja Católica contemporâneos. A historiografia contemporânea abandonara-o. É agora trabalhado com brilho e e profundidade.

Para comprar o livro Servidores de Deus e Funcionários de César

  • Transfira 16 (dezasseis) euros para o Iban PT50003300004529244755405por multibanco ou homebanking. Comunique-nos para o endereço eletrónico abaixo o endereço físico para que devemos enviar o(s) seu(s) exemplar(es). Se o nome da conta bancária (que aparecerá na nossa conta) não coincidir com o nome do envio, por favor comunique-nos para onde enviamos o exemplar correspondente à transferência.
  • Consulte o site da Cosmorama Edições. Em http://www.cosmorama.pt/encontra um link destinado à encomenda de Servidores de Deus e Funcionários de César.

 

Anúncios
No comments yet

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: