Skip to content

Fronteiras do Estado e da Igreja: na Ucrânia

Dezembro 2, 2013

UcrâniaOblsats A Igreja greco-católica é maioritária nos três «oblast» ocidentais da Ucrânia e muito minoritária nos restantes

A Ucrânia recusou a semana passada assinar um acordo com a União Europeia por preferir aliar-se à Rússia; os ucranianos estão divididos a este respeito. Estado e Igreja focará apenas um aspeto desta querela: o religioso e mais em particular a relação entre a ortodoxia e o catolicismo romano. Neste país, as fronteiras do Estado variam com as fronteiras das Igrejas.

Na Ucrânia há três igrejas católicas romanas: a greco-católica, a greco-católica rutena e a católica latina. Ambas as igrejas greco-católicas são orientais, de rito bizantino e por vezes designadas por uniatas. A primeira concentra-se nos três distritos (oblast) ocidentais da Ucrânia, está centrada em Lvov, e agrupará uns 8% da população ucraniana; nos restantes oblast é uma presença muito minoritária. A igreja rutena tem os seus fiéis na Ruténia subcarpática, em torno de Oujgorod, no sul da Ucrânia e a norte da Roménia e da Moldávia. A ortodoxia é maioritária na Ucrânia e está dividida entre os Patriarcados de Moscovo e de Kiev.

A configuração das igrejas ucranianas está desde o Renascimento ligada às variações estatais. Segundo uma narrativa, a igreja fundada  na Ucrânia por Cirilo, o apóstolo do oriente, separou-se da obediência ao Patriarcado ortodoxo de Constantinopla no final do século XVI, pela «união de Brest», por influência de Segismundo III Vasa, rei católico da Polónia-Lituânia. Nem todos os ucranianos aceitaram a união com Roma e muitos mantiveram-se fiéis à ortodoxia, sobretudo russa – que posteriormente, atacou os greco-católicos como agentes do estrangeiro (no final do presente post, o mapa mostra a distribuição por religiões na República Polaco-Lituana no século XVI, que a sul incluí a Ucrania de hoje). Para outra narrativa, a separação entre catolicismo e ortodoxia é anterior àquela «união».  Ora o apoio à adesão ucraniana à UE é mais forte nas zonas ocidentais da Ucrânia e em perticular entre os uniatas: União Europeia católica (ou não ortodoxa), Rússia ortodoxa. Se a Ucrânia se afastar da UE, a liberdade dos uniatas talvez seja ameaçada.

Com efeito, o comunismo russo perseguiu a igreja greco-católica ucraniana, prendendo centenas de padres e bispos; alguns morreram nesta perseguição. Foi recentemente publicada uma carta secreta de Nikita Krutchev a Staline, datada de 17 de dezembro de 1945, dando-lhe conta do triunfo da perseguição; a carta confirmava a realidade da perseguição mas esse triunfo era imaginário: a igreja greco-católica ucraniana manteve-se, embora reduzida à clandestinidade e à emigração. Em 1989, quase no final do comunismo russo, Mikahil Gorbatchov, o supremo dirigente soviético, aceitou legalizá-la.

São más as relações dos greco-católicos ucranianos com o Patriarcado de Moscovo e contribuíram para envenenar as relações dele com a Santa Sé; essa relações são «o maior conflito» entre a primeira e a terceira Roma, escrever Erasmus em The Economist, e a principal ameaça à recente melhoria de relações entre ambas, isto é, entre o Vaticano e Moscovo – aproximados pela guerra civil na Síria, pela situação no Médio Oriente e pelas questões de civilização (casamento gay, por exemplo). Acontece que segunda feira passada, Vladimir Putin, o dirigente russo, visitou o Papa Francisco. Essa visita ocorreu quando  já era conhecida a probabilidade de o governo de Kiev recusar o acordo com a UE. A visita não decorreu do acaso.  Será que Putin deu ao Papa garantias de liberdade dos greco-católicos na Ucrânia? Ou que, pelo menos, a defenderia?

*

O texto de Erasmus está em

http://www.economist.com/blogs/erasmus/2013/11/putin-and-pope

*

O mapa abaixo está referido a 1573, antes da «união de Brest». Significado das cores Amarelo claro: catolicismo; azul: luteranismo; violeta: calvinismo; verde: ortodoxia.

UcraniaRepPolacoLituana1573VerdeOrtodoxaAmareloCatólicaRosaCalvinistaFonte: http://en.wikipedia.org/wiki/File:Religie_w_I_Rz-plitej_1573.svg

Anúncios
No comments yet

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: