Skip to content

Casamento Gay em França: Acidente de Percurso ou Regresso aos Valores?

Abril 23, 2013

ManifContraCasamentoGayFrançaA católica Frigide Barjot, ao centro, é a Pasionaria da movimentação francesa contra o casamento gay

A França vota hoje a lei do casamento gay, que os seus defensores gostam de apresentar como o «casamento para todos». O que é singular é a agitação social e política que esta proposta de lei tem provocado. As manifestações de massa sucedem-se. Nenhum outro país conhecera tanta e tão duradoura agitação sobre aquele tema. A grandeza das manifs, a sua persistência, a intensidade do que está em causa exigem uma explicação. Ficará para outro dia a explicação de o tema atrair tal mobilização combatente.

Uma explicação para esta movimentação releva do acidente de percurso: o Presidente Hollande está em queda e a oposição reúne-se por trás da luta contra o casamento gay para o derrubar – pois este tipo de casamento é impopular. Nos anos 1980, sob o Presidente Mitterrand, o ministro Savarya atacara a escola católica, provocara grande movimentação de massas – e o ministro caíu. Tudo se desvaneceu então. A atual movimentação seria um caso deste tipo.

Uma segunda explicação é o regresso à política dos valores: a crise da União Europeia, o descrédito da classe política (tanto o chefe do governo francês como o secretário geral do PS francês foram condenados por corrupção em tribunais franceses) precipitam movimentações fora dos quadros partidários tradicionais. Por isso, regressaria o catolicismo político,  Por isso regressaria a extrema direita, de mãos dadas com o sarkozysmo.  Mutatis mutandis, o caso seria comparável ao Movimento 5 Estrelas em Itália, à formação do partido anti União Europeia na Alemanha e do UKIP no Reino Unido.

Em breve saberemos qual das duas explicações é boa. A lei do casamento gay será por certo hoje aprovada – e será de certeza submetida ao tribunal constitucional francês. Se o movimento de massas sobreviver a esta trituradora institucional, deveremos inclinar-nos para a segunda hipótese.

Seja como for, é nova a hipótese de uma nova política na Europa.

Anúncios
No comments yet

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: